Autoavaliação

Equipa de Autoavaliação (EA)

Constituição da EA

A EA é formada de modo a contemplar a representação dos vários ciclos/níveis de ensino em termos de docentes e integra representantes do pessoal não docente, dos alunos e dos encarregados de educação. É atualizada no início de cada ano letivo, ajustando-se à realidade existente.

Nome Setor da comunidade educativa
Maria Lurdes Simões Cunha Melo Docente do pré-escolar
Fernanda Manuela Dias
Maria Cecília Nogueira
Docente do 1.º ciclo
Maria Alcina Marinho de Oliveira Docente do 2.º ciclo
Ana Maria Portela dos Santos Docente do 3.º ciclo
Maria de Fátima da Silva Ferreira Docente do 3.º ciclo
Coordenadora da Equipa de Autoavaliação
Marcelino António Araújo Leal Docente do ensino secundário
Sofia Carla Barros Neves Docente do ensino secundário
Maria da Silva Torres Docente do ensino especial
Carla Susana Coelho Docente do ensino profissional
Coordenador(a) da Equipa EQAVET
João Ribeiro
Liliana Silva
Representantes dos Encarregados de Educação
Associação de pais
Inês Galas Representante dos alunos
Helena Rocha Assistente operacional

Funções da EA

              • Elaborar o Plano Estratégico de Autoavaliação e proceder à sua atualização ao longo do quadriénio em vigor;
              • Proceder à autoavaliação sistemática do Agrupamento, no sentido de promover a melhoria da qualidade do serviço educativo prestado, com enfoque no processo de ensino e de aprendizagem;
              • Articular a autoavaliação do Agrupamento com os restantes processos de avaliação que ocorrem no mesmo;
              • Auscultar e solicitar a participação abrangente da comunidade educativa no processo avaliativo desenvolvido, consultando sempre que necessário o GF;
              • Monitorizar e avaliar as ações de melhoria;
              • Contribuir para a melhoria organizacional do Agrupamento, bem como para a melhoria do desenvolvimento curricular;
              • Contribuir para a melhoria do processo de ensino e de aprendizagem e da educação inclusiva;
              • Contribuir para a definição das necessidades de formação contínua;
              • Definir estratégias de comunicação e de reflexão acerca dos resultados da autoavaliação com a comunidade educativa;
              • Informar a comunidade educativa sobre o desenvolvimento do processo de autoavaliação e os resultados alcançados;
              • Analisar os resultados dos diferentes processos de autoavaliação da escola identificando os pontos fortes e pontos fracos, e elaborar anualmente um relatório de autoavaliação que inclui essa análise SWOT resultante da análise dos diferentes relatórios apresentados pelos coordenadores/responsáveis pelas ações e projetos desenvolvidos no Agrupamento;
              • Dar sugestões de melhoria no sentido de que seja elaborado um Plano de Melhoria pelos responsáveis por cada ação/projeto avaliado, mediante os pontos fracos encontrados.

Equipa de Estatística (EEST)

Constituição da EEST

A EEST é definida pelo diretor que nomeia o coordenador da equipa e é formada por docentes que dominam as técnicas de recolha e tratamento de dados. É atualizada no início de cada ano letivo, ajustando-se à realidade existente.

Nome Função
Ricardo Ferreira Coordenador da Equipa – docente responsável pela recolha,
organização e tratamento dos dados recolhidos e elaboração dos
relatórios do 1.º 2.º e 3.º ciclos do ensino básico;
Luís Pereira Docente responsável pela monitorização/avaliação do ensino
secundário – CCH, colaborando na elaboração dos relatórios;
Sérgio Martins Docente responsável pela recolha, organização e tratamento dos dados
recolhidos e elaboração dos relatórios do ensino profissional.
João Paçô Rodrigues Docente colaborador na recolha de dados e responsável pela base de
dados e monitorização do SA – Avaliação Externa;

Grupo de Focagem (GF)

Constituição da GF

Considerando que a autoavaliação do Agrupamento deve ter em conta todos os pontos de vista da comunidade educativa para compreender as perspetivas dos diferentes atores e encontrar pontos de consenso que facilitem a negociação necessária à definição de um sentido único e coletivo para as dinâmicas desenvolvidas na escola, a EA conta com a colaboração do GF, representativo da comunidade educativa, cuja constituição é definida pela EA, atualizada anualmente se necessário, e se apresenta na tabela seguinte:

Nome Setor da comunidade educativa
Adelaide Dias Representante da Autarquia
Cristina Sousa Docente do ensino profissional
Cláudia Duque Docente representante da direção
Paula Vilaça Docente coordenadora dos DT do 3.º ciclo
Cândida Rodrigues Assistente operacional
  Representante dos alunos do ensino profissional
Elsa Mendanha Educador(a) representante do ensino pré-escolar
Luísa Ramos Docente do 2.º ciclo
Paulo Tenreiro Docente do 3.º ciclo
Paulo Lisboa Docente do 2.º ciclo
  Representante dos Encarregados de Educação
Fernanda Fonseca Docente do 1.º ciclo
Inês Costa Representante dos alunos cursos CH
Judite Costa Docente do secundário
Coordenador(a) dos DT
Bruno Miguel Oliveira Alves (Bombeiros Voluntários Famalicenses)
Representante da comunidade local
Jorge Carvalho Docente membro da Equipa de Acompanhamento e Monitorização dos
Critérios de Avaliação
Coordenador(a) do Projeto Maia
Isabel Moutinho Representante dos Assistentes Técnicos
Conceição Osório Coordenadora do Serviço de Psicologia
Carla Figueiredo
Paulo Marinho
Perito externo
Maria Rosário Araújo Ferreira Educação Especial

Funções da GF

              • Realizar esforços no sentido de alargar o seu conhecimento sobre as perspetivas dos setores que representam;
              • Fazer ouvir as perspetivas, preocupações e reivindicações dos diferentes setores da comunidade educativa na autoavaliação;
              • Validar os instrumentos de recolha de dados;
              • Apreciação e discussão de resultados;
              • Apresentar sugestões de melhoria do Plano de Autoavaliação.

Papel da Comunidade Educativa na Escola

A comunidade educativa da escola tem não só o direito, como o dever, de participar nos diferentes momentos da autoavaliação de escola. Como se pretende que a nossa escola seja uma escola reflexiva e aprendente, a Equipa de Autoavaliação está a implementar um processo de autoavaliação estruturado e intencional com vista à qualidade.

Neste processo a sua colaboração é muito importante!

Deixe aqui as suas sugestões/comentários referentes ao funcionamento da Escola…

Acessos: 111

Pin It on Pinterest

Shares
Share This