Celebração de La Chandeleur

Escrito por em . Publicado em Cultural

crepes_frances

Durante o dia 2 de fevereiro, vai decorrer na escola sede e na escola básica Júlio Brandão do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco uma atividade organizada pelo subdepartamento de francês para festejar o dia da “chandeleur”. Esta atividade pretende assinalar uma tradição francesa e procurará envolver toda a comunidade escolar, tendo um forte cariz cultural com o objetivo de dar a conhecer a França, as suas tradições, a cultura e a história. E, claro, a gastronomia com os tão afamados crepes.

Este dia acontece passados 40 dias depois do Natal. O nome “La Chandeleur” é derivado do latim (candelaria – candeia) e a sua origem remonta à antiguidade Romana em que se fazia uma festa em honra do deus Pã, deus dos bosques, dos campos, dos rebanhos e dos pastores.

Durante essa festa, à noite, os fiéis andavam nas ruas com tochas. A partir do século XIV, esta festa passa a ser associada a Nossa Senhora das Candeias.

Hoje em dia, a tradição é fazerem-se crepes com a forma da Lua, a última lua nova de inverno, sendo como que um apelo ao regresso da primavera, após o inverno.

Ao longo desta semana, alunos e professores têm estado envolvidos na decoração das duas escolas para que este dia seja celebrado com cor e brilhantismo. De destacar a colaboração de professores do subdepartamento de artes visuais e de educação tecnológica, numa motivadora interdisciplinaridade.

No dia 2, os crepes serão confecionados por alunos do 1º ano Curso Profissional de Técnico de Restauração com a supervisão da sua formadora.

Vai ser uma atividade de fazer crescer água na boca!